ARE GLASS CARBOMER SEALANTS MORE EFFICIENT IN PREVENTING CARIOUS LESIONS IN CHILDREN’S PERMANENT MOLARS WHEN COMPARED TO OTHER SEALANT MATERIALS? A SYSTEMATIC REVIEW AND META-ANALYSIS

  • Célia Maria Condeixa de França Lopes University of Joinville Region, Joinville, SC, Brazil
  • Leticia Maira Wambier Department of Dentistry, School of Dentistry, Positivo University, Curitiba, PR, Brazil.
  • Ana Claudia Rodrigues Chibinski Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry, State University of Ponta Grossa, PR, Brazil
  • Alessandra Reis Department of Restorative Dentistry, School of Dentistry, State University of Ponta Grossa, PR, Brazil
  • Denise Stadler Wambier Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry, State University of Ponta Grossa, PR, Brazil

Resumo

Objetivo: Esta revisão sistemática foi realizada para avaliar a eficácia de selantes de fóssulas e fissuras em carbômero de vidro comparados a outros materiais seladores na prevenção de lesões cariosas em crianças e retenção em fóssulas e fissuras. Fontes dos dados: Este estudo incluiu apenas estudos clínicos randomizados que compararam selantes em carbômero de vidro com selantes em outros materiais em molares permanentes em crianças com um acompanhamento mínimo de 6 meses. Uma busca sistemática foi realizada nas bases de dados PubMed, Scopus, Web of Science, LILACS, BBO, Cochrane Library e literatura cinzenta. Resumos de IADR, registros de triagens clínicas não publicadas, bases de dissertações e teses também foram pesquisados. O risco de viés dos estudos foi avaliado por meio da ferramenta Cochrane e a qualidade da evidência com o GRADE. Metanálises foram realizadas com os estudos que permitiram a coleta de dados. Síntese dos dados: Um total de 1685 artigos foram identificados e 54 selecionados para revisão. Destes, 40 artigos foram excluídos depois da leitura do resumo e 8 foram incluídos na análise qualitativa e quantitativa. A prevalência de fóssulas e fissuras livres de cárie foi similar após 6 (p=0,77; I2= 0%) e 12 meses (p=0,60; I2= 0%) e qualidade da evidência foi considerada baixa; após 24 meses, os outros materiais tiveram melhor desempenho (p=0,30; I2=7%) com evidência moderada. Não houve diferença nas taxas de retenção dos diferentes materiais após 6 (p<0,0001; I2= 96%), 12 meses (p<0,0001; I2= 99%), ou 24 meses (p<0,0001; I2= 100%) de acompanhamento; a qualidade foi considerada muito baixa. Conclusão: Selantes de carbômero de vidro tem retenção similar aos outros materiais seladores utilizados. Em relação ao desenvolvimento de novas lesões de cárie, os outros materiais apresentaram melhor desempenho ao longo do tempo. Todavia, novos estudos clínicos devem ser desenvolvidos para corroborar estes achados, uma vez que há falta de qualidade na evidência obtida.

Publicado
2021-05-21
Como Citar
LOPES, Célia Maria Condeixa de França et al. ARE GLASS CARBOMER SEALANTS MORE EFFICIENT IN PREVENTING CARIOUS LESIONS IN CHILDREN’S PERMANENT MOLARS WHEN COMPARED TO OTHER SEALANT MATERIALS? A SYSTEMATIC REVIEW AND META-ANALYSIS. Revista Científica do CRO-RJ (Rio de Janeiro Dental Journal), [S.l.], v. 5, n. 2, p. 16-35, maio 2021. ISSN 2595-4733. Disponível em: <https://cro-rj.org.br/revcientifica/index.php/revista/article/view/168>. Acesso em: 15 jun. 2021.
Seção
Revisão